domingo, 27 de fevereiro de 2011

Civilizações fluviais

Observe que nas cidades do mapa, todas são próximas de rios.
As cidades tinham duas características básicas: DIVISÃO SOCIAL DO TRABALHO/ CENTRALIZAÇÃO POLÍTICA.
COMÉRCIO E A DIVISÃO DO TRABALHO: A maioria da população trabalhava na agricultura e na criação de animais. A construção dos canais de irrigação e de técnicas agrícolas ajudou a se produzir muito( gerando excedentes) ou seja começou a ter mais alimentos do que o necessário para o consumo.
Esses excedentes começaram a ser trocados pelos povos, dando origem ao comércio( era baseado na troca de mercadorias).
Esse excedente também sustentava as profissões que prestavam serviços públicos: médicos, soldados e sacerdotes.
Essa especialização específica do trabalho em determinadas atividades profissionais, ficou conhecida como processo de divisão do trabalho.

" O arado, foi uma invenção importante para melhorar a produtividade agrícola , pois facilitava o preparo da terra para o Cultivo".

CENTRALIZAÇÃO POLÍTICA: Com todas essas mudanças na sociedade, tornou-se necessário organiza-la melhor. A família mais poderosa da aldeia, coordenava as cidades. O chefe da família passava a ser um rei. Esse rei era responsável pelo controle da produção de alimentos, construção de obras publicas( diques, canais de irrigação).
O rei contava com ajuda de servidores para estender o controle por toda a população.
Esses servidores em encarregados de :

Registrar as colheitas;
Criar e cobrar impostos;
Organizar a defesa;
Fazer leis;
Julgar Crimes;

Trazendo para os dias de hoje, pense que esse rei é o prefeito de sua cidade e que seus seguidores são os vereadores.
O rei- morava em palácios.

"Os palácios de Nínive são cobertos por esculturas em baixo-relevo, representando cenas de batalhas e da vida quotidiana dos assírios. Também por eles sabemos muito da história desse grande Império do passado."
Sacerdotes- cultuavam os deuses protetores das cidades nos templos.

A ESCRITA

Por conta do desenvolvimento da agricultura, do comércio e da centralização política tornou-se necessária a escrita.
Isso se deveu a vários fatores:

1) Era necessário contalibilizar produtos comercializados e impostos arrecadados pelos servidores do rei.

2) Cálculos geométricos para o levantamento de estruturas das obras, sendo criado um sistema de sinais numéricos.

3) A escrita possibilitou o homem a registar seus pensamentos, idéias e se comunicar.


Por conta do desenvolvimento da agricultura no período neolítico, começaram a aparecer as primeiras aldeias, comunidades. O crescimento da agricultura, cultivo da terra permitiu que fossem produzidos mais alimentos, por conta disso a população humana cresceu muito rápido.
Com esse aumento de população teve que se estender ainda mais as áreas de cultivo e criar novas técnicas para melhorar a produtividade.
Essas aldeias e comunidades começaram juntas a construir sistemas de irrigação para aproveitar as margens dos rios( terras férteis, boas para o plantio).
Essa união de aldeias deu origem as cidades.
DEFINIÇÃO: Cidade-> Complexo demográfico formado, social e economicamente, por uma importante concentração populacional não agrícola. dedicada as atividades mercantil, industrial, financeiro e cultural.

As primeiras cidades que apareceram foram formadas próximas dos grandes rios, afinal a água era necessária para agricultura. Por conta da sua localização, ficaram conhecidas como CIVILIZAÇÕES FLUVIAIS.

2 comentários: